Pular para o conteúdo principal

DIÁRIO DE BORDO - Nem pense que é fácil!




A irritabilidade que dá quando se toma corticoide não é maior do que quando se deixa de tomar... juntando com o climatério?! é a treva!!!
Paciência, determinação, distanciamento... enfim, são muitos os sentimentos e atitudes que se precisa para não sucumbir.
ahahahahahaha!!!
Tudo fica praticamente impossível... mas não é na realidade.
Porque é necessário nos comportarmos de maneira tranquila para não nos comprometermos com os outros e também não criarmos animosidades desnecessárias.
Bom mesmo é o deserto... e nada é contra alguém ou mesmo ninguém..
AHAHAHAHAHAH!!!
Simples, isolamento para evitar acontecimentos desagradáveis e fazer inimigos gratuitos!
A única coisa que eu sei é que não quero absolutamente nada e descubro a cada momento que o que melhor que posso fazer é declarar em alto e bom tom isso; para que não me cogitem, para que não me acionem, para que não pensem que estou sendo "menina maluquinha".
A verdade é que seria simples dizer coisas bonitas e cheias de heroismos, mas não está dando pelo menos por enquanto.

Já passei por um momento difícil como esse quando deixei de tomar coiticoide da penúltima crise que tive, mas não foi sequer parecido, porque eu não estava vivendo junto com tudo o bendito climatério.
E climatério é aquele momento maravilhoso quando se deixa de menstruar ou seja quando se passou pela menopausa e fica de herança todos os sintomas antipáticos da falência hormonal.
Bem, como tudo na vida, tem um lado bom... e um ruim. 
O ruim é que quando pensamos que nos conhecemos tudo se transforma numa grande zona... ando pela rua e só consigo ver pessoas des-animadas ou seja sem ânimo... pessoas de idade assim, como eu... de aspecto estranho e com os rostos cheios de uma carga pesada e sem vida alguma.
Muita gente velha, pessoas sem paciência, fisionomias fechadas e infelizes.
Carregando o mundo inteira nas costas, desnecessariamente, claro!!!
Nunca fui uma pessoa de humor estável... acho que se existisse um diagnóstico de "tripolar" eu seria uma (brincaderinha!!!)
ahahahahahahahahah!!!.
Mas esse olhar difícil para o mundo e o prognóstico cinza são realmente algo que me deixa sem graça.
De repente faz sentido o uso de coisas que podem alterar o nosso comportamento e tornar qualquer coisa mais interessante.
Tenho um humor que é bom, mas carregado de uma crueldade escorpionina (que horror!)... mas é verdade não posso mentir porque mentir é feio... faz com que veja tudo e o todo com esse olhar que varia de acordo com o sol, com a lua, com todos os planetas enfim...
Resumindo... é preciso muita paciência!!!
Faço muitos exercícios mentais, ouço música feliz, leio livros que versam sobre assuntos que engrandecem e favorecem o olhar e a compreensão das coisas e dos zilhões de universos que transitam pela rua, visíveis e invisíveis e aí... me reconheço e adoro.
Isso vale também para o meu mundo pessoal, interior, claro!!!
Somos mesmo sem dúvida alguma o reflexo vibracional do nosso eu interior e superior.
Conseguimos alcançar lindos "insights" quando nos alinhamos com as mais perfeitas energias existentes no Universo.
Podemos viver qualquer coisa em níveis que transformam qualquer tragédia, qualquer incompreensão das coisas que podemos experienciar por sermos humanos e ao mesmo tempo belíssimas energias cheias de luz e todo sentimento rico e poderoso que há em todas as dimensões.

Gosto disso...
mais ainda de poder falar da loucura que é sermos quem somos e como somos sem medo de um surto repentino descomprometedor.
Quando pensamos que estamos falando de assuntos diferentes sabemos que não é bem assim... tudo tem uma ligação, passa pelas mais improváveis dimensões e possibilidades... a intuição e a energia mercuriana e uraniana nos patrocina esse conforto de sabermos que o sentido está no olhar, no alcance, na confiança e na segurança que se tem manifestada no mundo.
O nosso cérebro que faz todas as pontes em tempos e dimensões inimagináveis dá conta do visível e do invisível aos olhos da gente.
Que rege glândulas e sistemas nervosos... que faz substituições, que produz neurotransmissores e substâncias que nos patrocinam conforto, alento, entendimento, sentimentalidade enfim, capaz de nos justificar e justificar tudo que podemos experiênciar... MEDITAR!!!
Amo isso tudo...
fiquem bem e cuidem-se bem!!!

Livia Leão




Comentários

  1. Livita tudo que falastes retrata a verdade do que acontece quando atingimos o patamar desta idade,se agente nao souber como conter os impulsos,e os atos, o bicho pega.Ou seja e a treva !!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

PARA VIVER UM GRANDE AMOR...

Estou aqui pra dizer a você que aqui estou... Estou aqui pra dar continuidade ao nosso crescimento juntos... que fazem intervalos pequenos diante da eternidade... É quando sorrio de verdade é quando me acomodo com segurança e me aconchego sem medo. Conheço um pouco dos seus limites, a profundidade das suas lindas qualidades, generosidade, parceria e delicadeza que admiro e preciso em um relacionamento. Assim como antes, em tempos que conseguimos separar, Onde se pode conjugar passado, presente e futuro Onde se pode prever que há o que "rolar" ... Sabemos de amizades, sabemos de conforto e de confiança. A vontade, ficamos sem nenhum desconforto que maculam os encontros e a nossa vontade é superior aos riscos que corremos sem nenhum temor (???) ... Tudo que poderia causar desconforto e separação será retirado e excluído elegantemente porque merecemos...
E tão grande amor que pode ser do outro
mas que é meu...
Não apenas meu, mas inventado por mim
nascido de mim,
em mim...
E q…

PARA O MEU AMOR QUE É QUERIDO ...

E eis que a vida nos devolve coisas, memórias, pessoas ...  E eis que o velho se tornou novo e nos confundiu!!! Mas eis também que nós ficamos assim não intimidados, mas cheios de dedos, cautelas, cuidados ... Bom comportamento e falas sinceras que nos traduzem e nos colocam em posições que dão alegria, que nos concede intimidade que velada, pode ser que seja declarada. O amor , ... o amor e o amor... que se repete, que volta, que vai e vem, ...  retornando em novidades iguais em amadurecimentos!!! Amadurecimentos que nos envaidece, que causa imensa curiosidade, que dá vontade de abraçar o corpo, a estória e o caminho percorrido sem programar, sem planejar... Não foi o tempo quem voltou, não fomos nós que retornamos, foram duas pessoas diferentes em iguais movimentos e buscas inquietantes de se espelhar... Liberdade Curiosidade Necessidade de se encontrar... Somos almas iguais e não gêmeas!!! Somos macho e somos fêmea!!! Em delicadezas emocionais Em possibilidades cativantes em const…

Sobre todas as coisas e nenhuma delas em especial!!! ...

Falando assim como quem tem uma certeza absoluta o mundo é muito rico em tudo que a gente pode imaginar. Podemos dele desfrutar como quisermos.  Se temos um mínimo de sabedoria, se conseguimos saber o mínimo de nós mesmos nos sairemos bem diante da vida que vamos escolhendo momento a momento. Tenho medos como qualquer criatura humana que habita o planeta, mas ao longo dos meus dias traduzidos em 59anos fui ganhando um certo jeito de pensa-la; de driblar as minhas fragilidades, de encontrar forças em mim mesma, de não apenas saber quem eu sou agora, mas também de quem quero ir me tornando enquanto passeio por aqui. Lido simplesmente muito mal com a morte, não a minha, mas a das pessoas... e isso se estende não apenas às que penso conhecer, mas a todas as pessoas que sei que morreram, que os seus corpos estão sendo enterrados ou cremados, que enquanto isso acontece no plano físico/material, outras muitas pessoas especulam, inferem,  sobre a vida após o fim ... o encerramento da vida co…