quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Pensando a viagem maravilhosa que é a VIDA.

Nem sempre conseguimos pensar a VIDA como ela é.
 Nos atemos injustamente a acontecimentos diários de importância ínfima.
Acumulamos residuos de dias e dias de nossa existência tratando-os como sendo importante, quando na verdade e na realidade não são.
O nosso lindo cérebro fica dando conta de tantas coisas desnecessárias que chegamos a pensar que fazem parte sim, da nossa VIDA.
A VIDA é maior que qualquer coisa que se possa imaginar!!!
E nós, como seres pensantes, cognitivos, somos lindos seres privilegiados, premiados pela natureza. Criadores!!!
Somos lindos criadores da realidade que acreditamos e se acreditamos!!! Melhor ainda...
Porque com o que pensamos criamos tudo ao nosso redor.
E quando descobrimos isso ficamos muito decepcionados com a nossa "realidade".
E aí!!!?
Se crio tudo ao meu redor... como posso reclamar de tudo ao meu redor?
Como posso estar onde estou?
Como posso conviver com quem convivo?
Que ordem é essa?
Enfim, pensar a VIDA pelo prisma da criação e não apenas dos acontecimentos inexoráveis pode ser transformador, pode ser algo que nos entristece pelo fato de não conseguirmos modificar aquilo que queremos ou que "pensamos" que queremos...
e por aí vai o nosso comodismo antagônico.
Toda dialética que possamos imaginar não faz da gente seres acomodados em nossos corpos, em nossas escolhas, em nossos questionamentos.
Encontrar alento em nossas dúvidas e em nossos pensamentos antagônicos.
Nos reconhecermos diante de todas as coisas que encontramos dentro de nós e que projetamos no mundo é pelo menos para mim, razão de infinitos conflitos.
Encontrar o caminho do meio, ou melhor, equilibrarmo-nos em meio a tantas "verdades" e "realidades" de conviver, traduz uma infinita inquietação.
E por aí vai...
depois falo mais sobre isso
e de maneira diferente.
Acho ou melhor considero escrever a melhor de todas as catarze.
Escrevendo consigo pensar melhor, consigo modificar padrões internos.
Não me ocupo com a cobrança interna de ser coerente.
De de repente pensar assim e daqui a pouco pensar assado...
uma senhora liberdade...
também uma senhora oportunidade de pensar,
repensar acontecimentos
de zilhões de formas e angulos.
Liberdade!!!
Apenas...
escrevendo podemos dar o tamanho que queremos ao assunto que nos interessar.
Depois eu conto o resto...!!!

Um comentário:

  1. Passeando pela net cheguei até aqui. A D O R E I .Voltarei mais vezes. Convido-a conhecer FOI DESSE JEITO QUE EU OOUVI DIZER... em http://www.silnunesprof.blogspot.com
    Saudações Florestais !

    ResponderExcluir

ORAR, ORAÇÃO, ORAÇÕES!!! ...

Todas as formas de oração são perfeitos apelos em nos alinharmos com o que queremos, com o que se sente, com o que buscamos dentro de nós...